♥♥♥ αвєnçoαdα ρor Dєus є вonίтa ρor Naтurєzα!

Minha foto

Abençoada por Deus e bonita por natureza..!!!

5 de março de 2009

Pedrada na vidraça!(Atenção Homens, rsrs)

Se for já era!
Eu vou fazer de um jeito que ela não vai esquecer

Realmente, este rock do Charlie Brown Jr. diz tudo...

Se deixar seu anjinho largado num canto, sem dar a mínima para ela, sempre vai aparecer um cara que vai fazer de um jeito que ela não vai esquecer! E pode apostar que ela vai gostar muito mais do que vai receber, do que da mixaria que recebia de você, meu chapa!

E sabe por que? Porque quando olhamos uma garota largada num canto, sem nenhuma atenção do namorado, achamos que isto é o maior desperdício, portanto, ela merece algo melhor, ou seja: alguém como nós!

Pode achar o que quiser, mas dentro de todo homem existe um pouco de "cavaleiro prateado", sempre pronto para salvar uma pobre donzela dos braços de um tirano!

E quando um cara faz isso, quando ele conquista a garota bem debaixo do nariz do babaca, na maioria das vezes ele vai fazer o melhor possível. Sim, tem tudo a ver com a mentalidade masculina, desta coisa de provar que é melhor que o outro, principalmente na cama.

E quer maior facilidade do que satisfazer uma garota desprezada e carente? Por isso que muitas mulheres só conseguem se sentir amadas e desejadas de verdade quando aparece um cara disposto a "fazer do jeito que ela não vai esquecer". Mas é bom não pensar que isso é uma regra, porque tem mulher que é tão zicada que acaba arrumando um pior do que outro!

Nesta espécie de competição silenciosa, acredite, o maior prêmio é mostrar que nós somos os melhores, não o tontão que teve a coragem de deixar sua garota abandonada num canto, indo conversar com os amigos:

"Se ele te come "gostosinho", eu posso te fazer gozar. Se ele foi sua grande paixão, eu serei o seu macho, seu homem, seu prazer mais sacana".

Não sei o que acontece com estes homens, que saem com as namoradas, só para larga-las num canto, igual cachorrinho de bêbado. Meu amigo, o mínimo uma garota espera de um homem de verdade é que ele esteja presente. Você até pode conversar com seus amigos, mas se ela estiver com você, ela é prioridade!

Se uma mulher sozinha sempre desperta a curiosidade de outros homens, uma mulher desprezada, desperta a cobiça. Por isso, por mais que um cara se ache o tal, que acredite que nunca vai levar um pé na bunda, mais cedo ou mais tarde sempre vai aparecer alguém para acabar com sua pose.

E para saber se uma mulher está sendo rejeitada, basta reparar em certos detalhes.

Quase sempre ela se senta num canto, bem tristinha, apóia os cotovelos nos joelhos e fica olhando para o relógio o tempo todo. E se o tranqueira está por perto ela sempre ergue a cabeça para ver se ele está terminando o papo com os camaradas. Então, ao perceber que o assunto vai durar a noite inteira, levanta-se como quem quer ir embora, demonstra uma certa dose de impaciência, mas acaba desistindo de partir e volta a se sentar.

Sim, ela pode brigar, reclamar que está se sentindo um lixo, mas sabe como é: tem mulher que não se valoriza. Fosse outra já teria se mandado, mas ela precisa tanto de atenção...

Se tem uma hora perfeita para chegar nela é exatamente neste momento de carência. Sim, porque ela deve ter um monte de coisas engasgadas na garganta, e qualquer um que chegue com delicadeza e paciência para ouvir o que ela tem a dizer, tem uma grande chance de conquista-la. Sim, principalmente se ele souber fingir que não está interessado em seu corpinho, mas em apenas ser um ombro para ela chorar as mágoas.

Tem homem que arruma mulher só para usar como acessório, não tem? Eles só são namorados na hora do fuck-fuck, porque fora da cama ela não passa de um acessório, que ele carrega pra cima e pra baixo!

Alguns, por exemplo, levam a mulher para assistir uma partida de futebol entre amigos, só para a coitada ficar segurando as coisas deles. É, minha cara, isso é o que podemos chamar de "mulher guarda-volumes"... E quando alguém pergunta quem é a garota: "Aquela?...Não é ninguém não...É só minha namorada..."

Ridículo mesmo são estes caras que até levam a mulher para festas, só que as deixam sentadas num canto, largadas, e só aparecem de vez em quando com um pratinho de salgadinhos na mão e um copo de refrigerante. Claro, senão a coitadinha pode morrer de fome. Isso quando eles não resolvem encher a cara e cair num canto até o dia amanhecer.

E que situação: sair com um cara pra ser trocada por uma garrafa de cachaça!

E existem os que nunca levam a mulher para lugar nenhum. Eles freqüentam todas as festas, mas fazem questão de deixar a namorada longe. Aliás, o único programa que fazem juntos é compra no mercado ou almoço de domingo na casa da sogra!

Mas tem quem arruma mulher só para ficar maltratando na frente dos outros.

São estes que quando ficam nervosinhos adoram abandona-las as no meio da rua. Sim, o cara se estressa, pega o carro e se manda. E que se foda se a garota ficou no meio do pior mocó do mundo, como uma leitora que o namorado resolveu larga-la perto de uma favela, de madrugada, em São Vicente, na voltas de um feriado prolongado. Sim, o cara ficou todo mordido porque achou que ela tinha dado trela para uns caras que passaram de moto e falaram umas gracinhas, por isso abriu a porta e a colocou para fora.

Aí, os caras da moto viram a sacanagem e voltaram para ajuda-la. Resultado, ela voltou na garupa de um deles até São Paulo, e quando ele ligou para saber porque ela ainda não tinha ligado "para pedir perdão" , descobriu que ela estava com o motoqueiro.

Sem contar que existem homens que nunca aparecem, somem por um tempão, e quando aparecem já tem outro tomando conta do latifúndio. E é lógico que com melhorias: "Seu ex-namorado nunca te pegou de quatro na cama? Então late com vontade, cachorra!!!

Então, será que agora ficou mais fácil entender porque nós não sentimos nenhum remorso quando jogamos "pedra na vidraça" de um Zé Ruela que pede para levar galha?

Oras, é um grande prazer tirar uma mulher do lado de um boçal só para mostrar que existem homens e "hominhos" !


MULHER GOSTA DE ATENÇÃO!!!RSRSRS


(TEXTO DE REVISTA ANDROS)



Nenhum comentário: